Não desprezes o dom que há em Ti.


Não desprezes o dom que há em ti (I Timóteo 4:14)
Ser um ministro do evangelho não é fácil. Ainda mais quando se é jovem e está começando agora. Mas, alegro-me quando leio as cartas de Paulo á Timóteo. Pois, vejo neste jovem pastor um exemplo, não somente para sua época, mas para todos quantos receberam de Deus uma incumbência na sua Obra. Como também, os conselhos do Apóstolo não servem apenas para Timóteo, mas para cada um de nós. Contudo, mesmo sendo gratos e honrados por ser chamado á uma tão Grande Obra, ás vezes nos achamos incapacitados. 
Não foi diferente com os profetas, como no caso de Moisés que alegou ser pesado de língua, ou no de Jeremias afirmando ser uma criança e não saber falar. Não foi diferente no caso de Gideão, de Isaías... Sempre nos achamos pequenos demais para um propósito tão grande. Deus é Grande, Tremendo e Poderoso, mas mesmo diante disso somos cegados pelas nossas próprias incapacidades e imperfeições, ao ponto de sermos paralisados pelas circunstâncias. 

Tenha convicção do chamado de Deus para sua vida

Quem te chamou para pregar, cantar ou fazer o serviço da Casa de Deus? Foi o homem, que é pequeno, fraco e imperfeito? Ou foi Aquele que é Grande, Forte e perfeito? Hoje em dia pode-se comprar ordenação pastoral e credenciais pela internet. Muitos desejam ornamentar o nome de “pastor”, “missionário”, “conferencista” e até títulos novos para aumentar ainda mais a hierarquia religiosa para galgar altas posições, prestígio e exaltação. Não sou contra os títulos de “bispo”, “apóstolo” ou qualquer outro. Sou contra aqueles que usam tais títulos com o propósito de se autopromover, diferenciar-se dos demais ministros evangélicos por se achar superior ou melhor do que os demais. 

“NAQUELA mesma hora chegaram os discípulos ao pé de Jesus, dizendo: Quem é o maior no reino dos céus?
E Jesus, chamando um menino, o pôs no meio deles,
E disse: Em verdade vos digo que, se não vos converterdes e não vos fizerdes como meninos, de modo algum entrareis no reino dos céus.
Portanto, aquele que se tornar humilde como este menino, esse é o maior no reino dos céus.” (Mateus 18.1-4)

Mas, enquanto não chegarmos no céu, iremos ver cada dia mais homens lutando para ser o maior ou o melhor. Ou pelo menos, o que se veste melhor. Ser ministro, pregador ou até um simples obreiro não é para aqueles que simplesmente querem, mas para aqueles que são chamados por Deus. É Deus que chama, capacita, comissiona, envia. Os homens apenas reconhecem aqueles a quem Deus já consagrou.

Se tu sentes a chama do amor pelas almas queimar no teu coração, ou queres ver o progresso do Reino de Deus e não de bispos, homens ou pastores neste mundo. Se desejas fazer algo para agradar o teu mestre e Senhor e não para ser aplaudido ou reconhecido pelos homens. Se pensas na Obra como Reino e não como tribo. Se não te conformas em ficar parado enquanto milhares descem á sepultura com o destino incerto, então estou autorizado a dizer-te: “Deus te chamou para fazer uma grande Obra!”

Deus te chama para sua Obra, Deus conta com você...
Fonte: Ministério Flávio Alves
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 Comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Contatos

Nome

E-mail *

Mensagem *

TRADUTOR

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
DEMAIS IDIOMAS

LOCALIZAÇÃO E PAÍSES DOS VISITANTES

Copyright © Macelo Carvalho | Traduzido Por: Mais Template

Design by Anders Noren | Blogger Theme by NewBloggerThemes