O que você traz na mala?

Certo dia Pedro ouviu falar sobre um lugar paradisíaco, onde tinha um Governante muito respeitado, reconhecido por sua inteligência, paciência, amor, perseverança e várias outras qualidades. Foi informado que havia muitas moradias neste lugar, o padrão de vida era excelente, com todos esses detalhes, ele começou a buscar o caminho, andou por vários cantos da cidade, certo dia achou um ancião, o qual sabia o caminho para o paraíso, como estava muito ansioso para conhecer o lugar, fez logo as malas....

Será que realmente amamos?

Há o amor! O amor é o mais nobre sentimento que há na face da Terra, este sentimento por sua vez é completo, nele subdivide-se todos os outros bons sentimentos. O amor inspira poetas, compositores, escritores, filósofos, casais e muitos outros, é a base para um bom relacionamento, sustento para o matrimônio e para a família, além de ser o próprio Deus. 1 João 4.8.....

O Conhecimento que Liberta.

O conhecimento é a única ferramenta que pode mudar o mundo, tanto material quanto espiritual. Muitas das vezes a falta de conhecimento escraviza o ser humano, não só fisicamente, mas socialmente, Albino Teixeira fala que: A morte do homem começa no instante em que ele desiste de aprender. isso porque morte não é somente a falência do corpo, há um contexto muito mais amplo, um exemplo é a morte espiritual, onde o ser humano por fora continua vivo.......

Salvos pela graça.

Graça significa Favor dispensado ou recebido; mercê, benefício, dádiva. Essa é a forma dos cristãos receberem a salvação segundo a bíblia. Todos nós sabemos que nada vem de graça, tudo tem um preço a ser pago ou algo feito por alguém, para que a mesma venha a ser gratuita para os demais, então quem pagou o preço por nossa Salvação? O que tenho a dizer é que o preço cobrado foi altíssimo, o mais precioso sangue do Filho de Deus, Jesus cristo o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo. (Jo1.29).

Tentação.

A tentação é uma das armas mais poderosas de Satanás, através dela muitas vezes ele consegue fazer com que nós cristãos pequemos, conseqüentemente nos afastamos de Deus, só que essas armas utilizadas pelo inimigo não são 100% eficaz. Ao longo da bíblia vemos varias passagens onde ocorreram tentações por parte de Satanás, como por exemplo ele foi o responsável pela queda do homem no jardim do Éden, utilizando a tentação.

Macelo Carvalho Nascimento. Tecnologia do Blogger.

quarta-feira, 26 de setembro de 2018

Divórcio e arrependimento


A decisão de avançar com um divórcio nem sempre é fácil, e para muitos podem até existir o que eles consideram ser "bons motivos" para acabar com um casamento. No entanto, segundo um estudo, 50% de todos os divorciados têm arrependimentos em torno da sua separação. Os pesquisadores apuraram que depois do pó ter assentado, 54% começam a ter segundas ideias em relação à sabedoria da sua decisão, e muitos apercebem-se que ainda amam o ex-parceiro.
Compartilhar no Whapp

quarta-feira, 8 de agosto de 2018

Remédios preciosos contra as artimanhas do Diabo - Capítulo 6


Satanás conduz os crentes ao pecado fazendo-lhes pensar que os que se santificam sofrem muita oposição e dificuldades. Ele lhes diz que enquanto os pecadores gozam da “boa vida”, os que desprezam ao pecado somente experimentam tristezas e problemas. Satanás insiste em lhes inculcar que por serem justos e santos terão problemas. O sussurro do inimigo de que é muito melhor viver numa forma que não lhes ocasione tantos conflitos e que os pecadores não sofrem como os piedosos. 
Compartilhar no Whapp

quarta-feira, 6 de junho de 2018

O verdadeiro evangelho é radicalmente exclusivo.

Autor: Paul Washer

“Até quando vocês vão oscilar entre duas opiniões? Se o Senhor é Deus, sigam-no; mas, se Baal é Deus, sigam-no.” (1 Rs 18:21)

Nunca pensei que teria que dizer isso em frente a um grupo de evangélicos. Nunca pensei que chegaria um dia no qual teria que dizer isto a evangélicos: Que o evangelho é radicalmente exclusivo. Nunca pensei que iríamos começar a perder Cristo como o único caminho. 
Compartilhar no Whapp

segunda-feira, 7 de maio de 2018

E se Deus retirar tudo? Confiando em Deus em meio a dificuldades financeiras.


Recentemente, fomos à nossa antiga casa pela primeira vez desde a redução de custos. Imediatamente, nossos quatro filhos começaram a citar memórias, observando cada parte da casa que eles sentiam falta. Mais uma vez, eles se esforçavam para entender por que tivemos que desistir de tudo aquilo.

Enquanto, com dificuldade, eu tentava responder com confiança que desistir de tudo aquilo era correto para a nossa família seguir a liderança de Deus — mesmo ao custo do conforto financeiro e de uma casa que amávamos — no íntimo, lutava contra a minha própria nostalgia e questionamentos.
Compartilhar no Whapp

quarta-feira, 25 de abril de 2018

O papel da experiência.

R. C. Sproul

Estamos vivendo em um tempo em que a experiência pessoal foi elevada acima de tudo como o critério final do que é certo e errado. Pense em todas as pessoas que tentam se justificar com base no que elas sentem. O divórcio é rotineiramente justificado com base no fato de um casal não se sentir mais apaixonado. Dizem que a homossexualidade deve ser aceita como um bem moral, porque alguns homossexuais relatam ter sentido uma atração pelo mesmo sexo desde a mais tenra idade. Até mesmo muitos cristãos professos tomam as suas decisões sobre o certo e o errado com base no que sentem.
Compartilhar no Whapp

domingo, 15 de abril de 2018

O Mito do Livre Arbítrio

Autor: Walter J. Chantry

A maioria das pessoas diz que crê no “livre-arbítrio”. Você tem alguma ideia do que isso significa? Acredito que você achará grande quantidade de superstição sobre este assunto. A vontade é louvada como o grande poder da alma humana, que é completamente livre para dirigir nossa vida. Mas, do que ela é livre? E qual é o seu poder?
Compartilhar no Whapp

segunda-feira, 2 de abril de 2018

Em tudo dai graças.


O salmista diz “rendei graças”. É um imperativo, uma ordem. Sei que humanistas de plantão logo dirão gratidão é sincera somente se for espontânea. Controvérsia à parte, o fato é que a ingratidão revela uma natureza pecaminosa e rebelde. “Porquanto, tendo conhecimento de Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe deram graças; antes, se tornaram nulos em seus próprios raciocínios, obscurecendo-se-lhes o coração insensato” (Rm 1:21). E na medida que o tempo passa, os homens vão se tornando cada vez menos agradecidos, pois “nos últimos dias, sobrevirão tempos difíceis, pois os homens serão egoístas, avarentos, jactanciosos, arrogantes, blasfemadores, desobedientes aos pais, ingratos, irreverentes” (2Tm 3:1-2).
Compartilhar no Whapp

terça-feira, 13 de março de 2018

Fim ou recomeço?

Autor: Ciro Sanches Zibordi


No princípio, Deus criou o mundo e pôs nele o primeiro casal, e este o decepcionou. O que aconteceu? Bem, a vida no jardim do Éden perdeu o sentido. Fim? The End, como outrora terminavam os filmes de Hollywood? Não! Simplesmente, um recomeço.

O Criador vestiu Adão e Eva de peles e estabeleceu novas metas para a humanidade. Enfim, o que passou, passou. O fim do período da Inocência deu início ao da Consciência. E mais uma vez o homem decepcionou a Deus. Os “filhos de Deus”, descendentes de Sete — filho de Adão —, se misturaram aos ímpios e possuíram suas filhas, e a Terra ficou cheia de violência e materialismo. Veio, então, o Dilúvio. Fim? Não. Recomeço. Deus preservou Noé e sua família, para com eles estabelecer um novo pacto e um novo período, o do Governo Humano, por assim dizer.
Compartilhar no Whapp

quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

3 maneiras como o ministério pode torná-lo orgulhoso.


Eu tenho servido como ministro ordenado por 42 anos. Muitos dos que começaram comigo não chegaram à linha final. O percentual é doloroso. Uma das razões principais de muitos não terem durado, eu penso, é porque ninguém os alertou sobre as maneiras como o ministério pode te tentar com orgulho.

É nessa área que as palavras de Paulo em 2 Coríntios 12.7-10 têm sido tão úteis para mim como pastor. Paulo – o próprio Apóstolo treinado em teologia e para o ministério pelo próprio Cristo ressurrecto – nos alerta para o fato de que o treinamento teológico e a vida no ministério podem nos levar ao orgulho se falharmos em cooperar com a intervenção graciosa de Cristo.
Compartilhar no Whapp

sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

Descoberta de amostra de DNA no Alasca pode comprovar o relato da Torre de Babel.

por Jarbas Aragão

Corpo de menina com mais de 4 mil anos pode lançar uma “nova luz” sobre o tema, Amostra de DNA encontrada no Alasca pode comprovar Torre de Babel.

A descoberta de material genético (DNA) humano no Alasca deu aos cientistas motivos para crer na validade do relato bíblico sobre uma migração em massa após a queda da Torre de Babel.

Conforme o Livro de Gênesis, todo o mundo tinha uma só língua e tentaram construir uma Torre para alcança o céu. Isso seria uma afronta a Deus, que interviu e as pessoas foram espalhadas pela terra. Apesar de ser tratado como “mito” por muitos cientistas, o estudo publicado na edição de janeiro da revista Nature (3) pode lançar uma “nova luz” sobre o tema.
Compartilhar no Whapp
Postagens mais antigas  → Página inicial