Apocalipse.

Na visão de Jesus glorificado que João teve, o que significavam as 7 estrelas e os 7 candeeiros?

R: 7 candeeiros = 7 igrejas da Ásia e 7 estrelas = 7 anjos das igrejas. Ap 1:20.

Onde se lê que um homem recebeu ordem para não chorar?
R: Apocalipse 5-5.

Qual a cor do cabelo e cabeça do Senhor Jesus em Glόria?

“...sua cabeça e cabelos eram brancos como a la branca, como a neve,...” (Ap 1:14)

Qual a letra do cântico novo que iremos cantar na Jerusalém Celeste?

(AP:5 ,9:19)

Qual a diferença entre Tribunal de Cristo e Tribunal do Juiz Final do Trono Branco?

- Tribunal de Cristo = Os crentes terão, um dia de prestar contas “ante o Tribunal de Cristo”, de todos os seus atos praticados por meio do corpo, sejam bons ou maus. Todos os crentes serão julgados; não haverá exceção (Rm 14:10,12; 2Co 5:10). Esse julgamento ocorrerá logo após o arrebatamento da Igreja (1Pe 5:4). O juiz será o Senhor Jesus Cristo (2Tm4:7,8). O instrumento de juízo será o fogo (Ap 1:14). A base do julgamento será a fidelidade dos crentes (A conduta cristã, as obras, o tratamento dispensado aos irmãos, a evangelização, obediência aos pastores, (1Co 4:2; 2Co 5:10; Jr 48:10; Rm 14:10; 1Co 9:16; Hb 13:17). O Tribunal de Cristo terá lugar nas regiões celestiais (1Ts 4:17). O propósito do julgamento do Tribunal de Cristo é galardoar os servos que forem achados fiéis (Ap 22:12). A Bíblia fala do julgamento do crente como algo sério e solene, porque inclui para este a possibilidade de dano ou perda, de ficar envergonhado diante de Cristo “na sua vinda” e de queimar o trabalho de toda a sua vida. (1Co 3:15 e 2Jo 8; 1Jo 2:28; !Co 3:13-15).

Esse julgamento, não será para salvação, ou condenação. Será um julgamento de obras. Em suma, o crente terá que prestar contas da sua fidelidade ou infidelidade a Deus e das sua práticas e ações, (Mt 25: 21,23; Lc 12:48). As recompensas de cada um serão coroas gloriosas que estão reservadas aos fiéis do Senhor por toda a eternidade.

- Tribunal do juízo do Grande Trono Branco = É assim chamado devido ás palavras do versículo 11 de Apocalipse capítulo 20, “... um grande trono branco...”. O grande trono branco foi visto por João. O trono é grande porque representa o poder infinito de Deus. É branco porque representa sua justiça perfeita e completa. É o juízo dos ímpios mortos desde o tempo de Adão.O juízo será sem misericórdia (Tg 2:13). Será o dia de acerto de contas entre Deus, que estabeleceu um plano salvífico beneficiando toda humanidade, e os ímpios, de todas as épocas, que recusaram-se em atender a proposta divina. Nenhuma desculpa será aceita para justificar os pecados que macularam a vida de homens e mulheres de todos os tempos. Não haverá advogado de defesa. Não haverá perdão naquele dia. Serão julgados “grandes e pequenos” (Ap 20:12), isto é, diante do trono branco estarão grandes nomes da história: Os Faraós do Egito, reis, maldosos como Eglom (rei de Moabe), homicidas como Caim, traidores como Judas Iscariotes, mentirosos como Ananias e Safira. Ali estarão os governantes que praticaram verdadeiras atrocidades como Hitler, Mussolini, Id Amim Dadá, etc. Estarão também os falsos líderes religiosos que conduziram milhares de almas para a perdição eterna, com suas heresias, como Jin Jones, Reverendo Moon, etc. Os astros de Hollywood, que incitaram todo tipo de infidelidade conjugal, violência e irreverência, ali todos comparecerão. Estarão presentes diante do trono branco os mafiosos, os terroristas, os aliciadores de menores, os patronos das escolas de samba, os políticos corruptos que saquearam os cofres públicos. Porém, estarão diante do trono branco, cabisbaixos, aqueles que conheceram a Jesus como Senhor e Salvador, mas depois, a vaidade, o orgulho, o pecado os venceu, (Mt 7:21-23). O juiz será o Senhor Jesus Cristo, ele julgará pessoalmente os que o rejeitaram (Jo 5:22,27-29). A igreja estará presente no julgamento do juízo final. No entanto, já julgada e galardoada, e em posição privilegiada, num júri, para julgar, (1Co 6:2,3). A Igreja não será julgada com os ímpios no trono branco (Rm 8:1). A justica divina está cumprida. Aqueles que não foram achados seus nomes escritos no Livro da Vida(registro dos nomes dos eleitos) serão lançados no lago de fogo “... Ali haverá pranto e ranger de dentes (Mt 8:12).

Haverá morte, moeda e comercio durante o milênio?

A morte não será tirada da terra (Is 65:20). O último inimigo que será destruído é a morte. Somente no fim do milênio a morte e todos os poderes infernais serão totalmente destruídos, na completa obra de Cristo no seu reinado (Hb 2:14,15; ICo 15:55,56). Portanto, a morte no milênio, ocorrerá em proporcoes resumidas, mas no milênio haverá morte sim.

Nesta época a terra será de uma fertilidade nunca vista – um jardim bem regado (Jr 31:12). Os apetrechos de guerra serão mudados em ferramentas agrícolas (Is 2:4). O milenio consiste em plantar, comer beber, viver em paz e em adorar ao Senhor. Será um período de muita paz e prosperidade, no entanto não precisará de moeda e comércio no milênio.

Qual o nome e a cor do nosso vestido na Jerusalém Celeste?

Linho fino, puro e resplandecente. Porque o linho fino são as justiças dos santos.(Ap 19:8).

Qual o nome das coroas que iremos receber nas Bodas do cordeiro?

- Coroa da Vida, para os que foram fiéis, mesmo nas horas mais difíceis, e não recuaram em face da morte. ( Tg 1:12; Ap 2:10).

- Coroa de Glória, para os que agiram com humildade e submissão. (1Pe 5:4).

- Coroa da Justiça, para aqueles que ansiosamente aguardavam a vinda de Cristo. (2Tm 4:8).

- Coroa da alegria, para os ganhadores de almas. (Fp 4:1; 1Ts 2:19,20).

- Coroa incorruptível, para aqueles que venceram a carne, sujeitando-se a Deus. (1Co 9:25-27).

Qual o discípulo que não era Galileu?

Judas Iscariotes.

É chamado de Iscariotes, por ser natural de Queriote, cidade situada ao sul da Judéia, portanto, o único que não era da Galiléia (Js 15:25).

Judas era, ou não, predestinado á perdição?

Quando se fala em Judas Iscariotes, surgem opiniões de todo lado. Jesus escolheu seus discípulos após uma noite inteira de oração, inclusive Judas (Lc 6:12-14). Ele não foi escolhido para ser traidor, e sim, um apóstolo. O fato é que aos poucos, como acontece com todos que se desviam, foi se transformando, vestindo aos poucos a capa da traição. O único com sotaque sulino, talvez se sentiu humilhado, discriminado, magoado, etc. Ninguém se torna traidor da noite para o dia. Há sempre alguns passos preliminares, passos que levam ao desastre.

As Escrituras já haviam profetizado que um deles trairia Jesus. Mas, será que precisava ser Judas? Judas deixou-se dominar, ele se entregou aos convites discretos de satanás e não procurou se arrepender, mas traiu Jesus com trinta moedas de prata que era o preço de um escravo da época.Infelizmente morreu por enforcado. Arrebentou-se ao meio e suas vísceras foram derramadas (At 1:18)

Qual a origem do nome protestante?

Martinho Lutero, descobriu que para ganhar o perdão de Deus, é somente ter fé nEle, sem precisar se castigar. Aprofundado em seus estudos, seus ensinamentos, difundiram pela Alemanha e acirrou uma disputa entre os nobres e príncipes e o império dos Habsburgos, apoiado pela igreja católica e apoiava boa parte das terras alemãs e outros.

Baseados na doutrina de Lutero, os cavaleiros alemães lutavam para tomar os bens da igreja do domínio dos Habsburgo. Carlos V tentou colocar fim a esta agitação. Ele tentou forçar a submissão dos nobres alemães ao catolicismo. Os nobres protestaram, o que originou o novo nome da religião luterana: Protestantes.

Quem foi Lutero e qual o objetivo e finalidade da Reforma?

Martinho Lutero,nasceu na Alemanha, foi monge da ordem dos monges Agostiniano. Preocupava-se muito com o perdão de Deus decepcionado com a corrupção que constatara no alto clero. Concluiu que o homem só se pode salvar pela fé incondicional em Deus, não pelas indulgencias compradas, a fim de arrecadar fundos para financiar a reconstrução da Basílica de São Pedro, o papa Leao X havia permitido o perdão dos pecados a todos que contribuíssem financeiramente com a igreja.

A Reforma = Em 1517, a campanha das indulgencia estava a todo vapor. Lutero fixou 95 teses, condenando o uso das indulgencias. O papa Leao X ameaçou Lutero de excomunhão. Já era tarde. As teses já haviam sido distribuídas por toda Alemanha. Com suas teses Martinho Lutero cria a Reforma. E sua reforma conquista todo o mundo, suas idéias atingiram rapidamente o povo, que aprenderam que não precisa pagar para ir ao céu, bastava somente crer em Deus e viver pela fé.

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 Comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Contatos

Nome

E-mail *

Mensagem *

TRADUTOR

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
DEMAIS IDIOMAS

LOCALIZAÇÃO E PAÍSES DOS VISITANTES

Copyright © Macelo Carvalho | Traduzido Por: Mais Template

Design by Anders Noren | Blogger Theme by NewBloggerThemes